domingo, 3 de abril de 2011

Tempestade



Abalou minha vida, destruiu sentimentos, derrubou os meus muros.
Veio forte destruiu meu coração, e me deixou sem razão para viver.
Avassaladora, levou tudo sem deixar explicações. 


2 comentários:

Luciano Martini disse...

Tempestades internas são as mais destrutivas.

Milla disse...

Aow Bruna, ficou massa seu blog ! Adoreii ^^ Voltarei com frequência '')

Postar um comentário